Constituinte na Venezuela: vitória heroica do Povo e da Revolução contra o Imperialismo e a violência

Roberto Santana Santos* A Revolução Bolivariana e o povo venezuelano, liderados pelo Presidente Nicolás Maduro, fizeram história mais uma vez no último domingo, dia 30/07. Contra tudo e contra todos, contra uma direita violenta apoiada pelo imperialismo norte-americano, contra atos de terrorismo, sabotagem econômica e cerco midiático dos grandes veículos de comunicação do mundo inteiro, a população não se absteve da eleição da nova Assembleia Nacional Constituinte (como queriam os opositores de Maduro) e

Conjuntura e seu Labirinto

Conjuntura e seu Labirinto

Pedro Otoni* Perguntaram-me certa vez sobre qual metáfora utilizar para expressar o sentido da categoria “análise de conjuntura”. Pois bem, creio que a conjuntura é como um labirinto e a análise é o exercício que fazemos para sair deste labirinto. Em um primeiro momento, pensamos que o arquiteto do labirinto nos propõe um desafio justo. E julgamos que o labirinto é estático e possui uma saída. Sendo assim, o critério de êxito é compreender sua

Venezuela: a Constituinte avança, a direita frauda plebiscito e o imperialismo se desespera

Venezuela:  a Constituinte avança, a direita frauda plebiscito e o imperialismo se desespera

  Roberto Santana Santos* A Venezuela permanece nas manchetes dos jornais. Dessa vez os grandes meios de comunicação vêm destacando um certo “plebiscito” realizado pela direita venezuelana no último domingo, 16 de julho. Reproduzindo acriticamente a informação dada pelos próprios opositores, nos é apresentado o número de 7 milhões de participantes que teriam dito não à Constituinte convocada pelo presidente legítimo do país, o chavista Nicolás Maduro. Obviamente, como tudo que sai sobre a Venezuela

Eu e o Lula, em 7 pontos

Eu e o Lula, em 7 pontos

  Roberto Santana Santos* 1 – Detesto o Lula. Nunca simpatizei com sua visão política. Sempre o achei não um conciliador, como alguns dizem, mas sim, alguém que capitulou. Defende o capitalismo claramente, mas com algumas melhorias para os pobres. Num país miserável como o Brasil, “metade é o dobro”, e isso muda muita coisa, daí Lula ter virado “mito”. Para quem compreende esquerda como sinônimo de revolução e anticapitalismo, Lula mais atrapalha do que

Venezuela: Terrorismo da Direita x Revolução Democrática

Venezuela: Terrorismo da Direita x Revolução Democrática

  Roberto Santana Santos* Antecedentes: o governo Maduro sempre foi atacado violentamente pela direita e os EUA A Venezuela se encontra, mais uma vez, nas manchetes dos noticiários. Na “imprensa” pertencente ao grande capital é tratada da mesma forma de sempre: uma ditadura, governada por um bando de loucos, responsáveis por oprimir o próprio povo e conduzir uma economia desastrosa. Essa posição é acordada pelos monopólios internacionais da notícia e replicada diariamente à exaustão. Podemos