_____________Eu e o Lula, em 7 pontos

_____________Eu e o Lula, em 7 pontos

  Roberto Santana Santos* 1 – Detesto o Lula. Nunca simpatizei com sua visão política. Sempre o achei não um conciliador, como alguns dizem, mas sim, alguém que capitulou. Defende o capitalismo claramente, mas com algumas melhorias para os pobres. Num país miserável como o Brasil, “metade é o dobro”, e isso muda muita coisa, daí Lula ter virado “mito”. Para quem compreende esquerda como sinônimo de revolução e anticapitalismo, Lula mais atrapalha do que

Venezuela: Terrorismo da Direita x Revolução Democrática

Venezuela: Terrorismo da Direita x Revolução Democrática

  Roberto Santana Santos* Antecedentes: o governo Maduro sempre foi atacado violentamente pela direita e os EUA A Venezuela se encontra, mais uma vez, nas manchetes dos noticiários. Na “imprensa” pertencente ao grande capital é tratada da mesma forma de sempre: uma ditadura, governada por um bando de loucos, responsáveis por oprimir o próprio povo e conduzir uma economia desastrosa. Essa posição é acordada pelos monopólios internacionais da notícia e replicada diariamente à exaustão. Podemos

O golpe em seu impasse

O golpe em seu impasse

Resistência popular finalmente bloqueou contrarreformas. Paralisia do governo — e não a delação da Friboi — desencadeou a nova crise política. Abre-se espaço para o imponderável Por Pedro Otoni, no Outras Palavras A crise do governo Temer ocasionada pela delação dos proprietários da JBS promoveu uma atualização da tática golpista. O ponto final para Temer é uma tentativa de continuidade para o golpe. Postulado 1 – Contradição entre interesse particular e o geral Os interesses

O povo decide, Diretas Já!

O povo decide, Diretas Já!

Por Clara Maragna e Leonardo Koury, em colaboração especial ao Brasil em 5 Primeiro a gente tira a Dilma, rasga a Constituição Federal, fortalece o Estado policial, e nos resta saber: Quem controla o judiciário? Entender o processo político que o Brasil vem sofrendo é uma tarefa árdua e emblemática para todos nós. Mas de certo, é notório que a surpresa tornou-se um elemento central desse arranjo golpista, que tem como pano de fundo a

Temer cai

Temer cai

Por Pedro Otoni. A queda de Temer é um fato. Porém, a forma como isso vai se dar é o que determina o que vem depois. Renúncia, impeachment no Congresso ou cassação da chapa Dilma/Temer. Arrisco a dizer que dependerá de como a pressão se dará em dois momentos. No próximo domingo (21), no qual grupos conservadores e progressistas disputarão as ruas (com forte possibilidade de conflito), e na próxima quarta-feira (24), em Brasília, quando

Página 1 de 1812345...10...Última »