As Brigadas Populares e as Eleições Nacionais de 2014

As Brigadas Populares e as Eleições Nacionais de 2014

As Brigadas Populares manifestam seu apoio e voto na candidata Luciana Genro (PSOL) para a Presidência da República. Luciana é quem melhor expressa neste cenário eleitoral a agenda de junho de 2013, que se configurou como um marco na luta por mais direitos e pela reivindicação de uma efetiva inclusão das maiorias na vida política do país. No entanto, o que assistimos como resposta a junho é uma limitação da já limitada democracia. Exemplo disso

A Presidenta Dilma precisa ouvir as ocupações do Isidoro!

A Presidenta Dilma precisa ouvir as ocupações do Isidoro!

O programa “Minha Casa, Minha Vida” é anunciado como a solução para o problema da moradia em nosso país. No entanto, o povo pobre e negro, por não estar inserido nos critérios de financiamento, não é contemplado pelo programa e por isso continua se organizando para conseguir uma casa. E pior de tudo: quando conseguimos construir nossas casas, o Banco Público responsável pelo programa quer nos despejar. Está informação está contida no Contrato assinado pela

MARCHAR É UM DEVER, UM DIREITO, E UMA VOCAÇÃO PARA QUEM QUER CONSTRUIR UM MUNDO MAIS JUSTO

MARCHAR É UM DEVER, UM DIREITO, E UMA VOCAÇÃO PARA QUEM QUER CONSTRUIR UM MUNDO MAIS JUSTO

A população mais atingida pelo capital e por essa sociedade contraditória, é sem dúvida nenhuma o povo pobre e negro e que também está nas ocupações urbanas e rurais lutando por uma vida digna e pelo direito de construir suas casas e suas famílias como todo mundo. Todo o Brasil e mais 20 países marcharão para denunciar toda forma de violência, discriminação e opressão vivenciadas por este grande grupo, que mesmo após a abolição continua

Brasil: Familias de asentamientos amenazadas de desalojo ocupan edificio del banco Caixa Econômica Federal en Belo Horizonte, Minas Gerais

Brasil: Familias de asentamientos amenazadas de desalojo ocupan edificio del banco Caixa Econômica Federal en Belo Horizonte, Minas Gerais

Comunicado a la sociedad y prensa Las familias de las comunidades “Vitória, “Rosa Leão” y “Esperanza”, que viven desde el día 06 de agosto la pesadilla constante del desalojo con la demolición de sus casas, ocuparon en la mañana de este viernes, día 22 de agosto, la agencia del banco “Caixa Econômica Federal” (Avenida do Contorno, 5809, Savassi, Belo Horizonte). La Caixa Econômica Federal, gestora operacional de los recursos del Programa de Viviendas “Minha Casa,